Dieta para Diabeticos

Se você é diabético, ou está naquela fase que os médicos chamam de pré-diabetes, que precede o diagnóstico do diabetes tipo 2, perder peso pode ser importante.

Quero falar aqui sobre as melhores dietas para diabetes, quando você precisa fazer um controle de peso.

Na verdade, o essencial é alcançar e manter um peso saudável, que ajuda a gerenciar melhor os níveis de açúcar no sangue.

Além disso, perder peso pode ajudar a reduzir as chances de complicações futuras, como um derrame ou até ataque cardíaco.

Na minha família diversas pessoas tiveram ou têm diabetes, e isso sempre me preocupou demais.

Imagine uma criança criada com aqueles doces caseiros de vó – abóbora com coco, banana, laranja, mamão, etc.

Além disso, as mulheres da família sempre gostaram muito de cozinhar e, especialmente, preparar todo tipo de carboidrato.

Então, sempre tive pânico de me tornar diabético, até por isso tentava manter uma alimentação mais saudável e fazer exercícios.

Entretanto, aqui vai uma coisa para reflexão:

Será que o fato de ter muito medo de uma determinada coisa, não deve atraí-la?

Bem, creio que sim… Segundo a Lei da Atração.

Creio até que boa parte do que se fala de herança genética, histórico familiar (etc), na verdade, pode ter origem em alimentar seu cérebro com essa realidade.

Enfim…

Mas, esse é um papo mais filosófico, psicológico, espiritual, portanto, deixemos esse assunto para um outro post.

Voltando à questão, eu me interesso por esse assunto, até para ajudar as pessoas da minha família.

Assim, vamos adiante…

Diabetes e Perda de Peso

Diabetes e Perda de Peso

Na verdade, pessoas com diabetes precisam fazer um controle de peso mais efetivo do que pessoas não-diabéticas.

Dietas para diabetes é quase que uma condição obrigatória para quem quer mantê-la sob controle.

Contudo, perder peso muito rápido ou ser muito restritivo pode ser altamente prejudicial e até dificultar o controle da glicemia.

A glicemia (do grego γλεῦκος, mosto, por extensão doce) é a concentração de glicose (“açúcar”) no sangue ou mais precisamente no plasma.

Entretanto, a obesidade é um fator de alto risco para diabetes tipo 2 – onde o corpo não produz insulina ou cria resistência à insulina.

Mas, a obesidade parece ser um mal do século e também tem se tornado comum entre pessoas com diabetes tipo 1.

Diabetes tipo 1, é uma doença crônica em que o pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina.

Desse modo, a pessoa com diabetes precisa considerar vários fatores antes de determinar o melhor método para perder peso.

Você deve considerar sua idade, saúde geral, quantidade de peso que deveria perder, etc.

Então, é melhor se certificar de ter a orientação profissional adequada (talvez mais de uma) para ter segurança.

Assim, quero compartilhar com você algumas coisas que podem ajudar pessoas com diabetes a perder peso com segurança.

Vale dizer que não sou nutricionista, muito menos médico, portanto, você deverá consultá-los e fazer o tratamento recomendado.

Falando em tratamento… vale uma dica:

Antes de adotar totalmente alguma medicação, tente melhorar sua dieta e fazer exercícios, seguir alguns protocolos, como jejum intermitente, e analisar os resultados.

Não são raros os casos, em que a glicemia acaba normalizando, seguindo-se algumas pequenas mudanças no seu estilo de vida.

No entanto, estou aqui para falar com você sobre as melhores dietas para perder peso, então, aqui vão elas:

Dieta Mediterrânea

Essa dieta envolve escolher alimentos e alguns tipos de preparos de alguns lugares da região mediterrânea:

De forma geral, a dieta mediterrânea inclui:

  • Muitos legumes
  • Grãos integrais
  • Frutas (com moderação)
  • Nozes e sementes
  • Ervas e especiarias
  • Azeite
  • Peixe
  • Ovos

Há diversos estudos recentes que mostram que a dieta mediterrânea pode ajudar pessoas com diabetes a perder peso.

Um desses estudos envolveu 36 participantes adultos com obesidade e diabetes tipo 2, que foram acompanhados por 2 anos.

Entre os métodos alimentares estavam divididos em três grupos:

  1. Dieta low-carb (pobre em carboidratos);
  2. Dieta mediterrânea;
  3. Dieta low-fat (pouca gordura)

Neste estudo, a dieta mediterrânea foi a que mais performou para alterações nos níveis de insulina e glicemia de jejum.

Os participantes que adotaram a dieta mediterrânea perderam, em média, 1,5Kg a mais do que os que fizeram a dieta com baixo teor de gordura.

Dieta Low-Carb

Dietas com baixo nível de carboidrato são também excelentes e um método já popular para a perda de peso.

Geralmente, dietas low-carb limitam a ingestão de carboidratos, enquanto compensam com mais proteínas e gorduras saudáveis.

Quem opta por fazer uma dessas dietas com pouco carboidrato deve evitar os seguintes alimentos:

  • Batatas
  • Arroz
  • Pão
  • Bolos
  • Doces
  • Massa

Contudo, ao fazer uma dieta low-carb, você deve comer mais vegetais e consumir mais proteínas de peixes, carnes magras e ovos.

Há novamente aqui uma série de estudos recentes que mostram que dietas low-carb podem ser eficazes e seguras para pessoas com diabetes.

Um desses estudos envolveu adultos com pré-diabetes ou tipo 2, com um índice de massa corporal (IMC) acima de 25.

Houve uma separação em dois grupos, observados por 3 meses:

  1. Dieta restrita com pouco carboidrato e alto teor de gordura
  2. Dieta restrita com carboidratos e baixo teor de gordura

O grupo da dieta com baixo carboidrato e alto teor de gordura perder 5,5Kg, enquanto o outro grupo perdeu 2,6kg.

Além disso, 44% das pessoas que fizeram low-carb interromperam pelo menos um medicamento para diabetes.

Entretanto, é importante saber que existem diversos tipos de dietas (versões) que se caracterizariam como low-carb.

A maior parte das dietas com baixo índice de carboidratos restringe-os a menos de 20g, o que pode não ser adequado para todos.

Ah! Vale dizer que quando falo em quantidades (gramas) de certo nutrientes (ex: carboidrato), quero dizer a tabela nutricional e não o peso do alimento.

Por exemplo, 100g de arroz tem em média 28g de carboidrato, 2,7g de proteínas e 0,3g de gordura – veja a tabela

Dieta Paleolítica

Você já deve ter ouvido falar sobre uma tal período Paleolítico, primeiro período da pré-história, onde humanos viviam em cavernas.

Então… A dieta paleolítica (ou apenas “paleo”) tenta reproduzir o estilo de alimentação dos humanos durante essa época.

Portanto, essas pessoas tinham que caçar comida e, basicamente, comiam frutas, legumas, carne (magra) e peixe.

Há até certa similaridade entre a dieta paleo e a dieta low-carb, já que a dieta paleo “proíbe” o consumo da maioria dos grãos.

Como é sempre bom nos basearmos em estudos, alguns também foram feitos recentemente para comprovar a eficácia da dieta paleolítica.

Em um deles, 13 pessoas com diabetes tipo 2 adotaram a dieta paleo por 3 meses e depois mudaram para uma “dieta diabética” por mais 3 meses.

A dieta diabética refere-se a refeições uniformemente distribuídas que contém fibra alimentar, pão integral, cereais e vegetais.

Nesse estudo, a dieta paleo estava com uma quantidade maior de calorias em relação à dieta diabética.

Os participantes desse estudo tiveram maior perda de peso com a dieta paleo, no entanto, acham menos sustentável.

Vegetariana ou Vegana

Vegetariana ou Vegana

Dietas vegetarianas ou dietas veganas devem eliminar a carne de origem animal e se concentrar em frutas, vegetais, grãos integrais, nozes e sementes.

Além disso, as pessoas que seguem esse tipo de dieta eliminam mesmo qualquer tipo de alimento de origem animal, incluindo laticínios e ovos.

Curiosidades:

  1. Pitágoras, Sócrates, Platão, Aristóteles, Leonardo da Vinci, Isaac Newton, Voltaire, Henry David Thoreau, George Bernard Shaw, Benjamin Franklin, Thomas Edison, o dr. Albert Schweitzer, Mahatma Gandhi, entre outras celebridades, eram vegetarianos.
  2. Os ossos mais fortes do planeta pertencem aos vegetarianos…
  3. Gorilas, elefantes, rinocerontes, além de mais fortes, vivem mais do que carnívoros.

Se você tem diabetes, sem dúvida uma dieta vegetariana está entre as melhores dietas para perder peso.

Em um estudo com 99 pessoas de idades variadas, adotou-se dieta vegana ou uma dieta da American Diabetic Association (ADA) que incluía grãos integrais, frutas, vegetais e carne.

Após 22 semanas, participantes da dieta vegana perderam uns 6,5Kg e os da dieta da ADA uns 3,1Kg, em média.

Além disso, 43% pessoas da dieta vegana diminuíram seus medicamentos para diabetes, e 26% na dieta ADA.

Controle do Diabetes

Controle do Diabetes

Se você quer controlar o Diabetes, precisa, acima de tudo, se informar, estudar a respeito, entender o que isso significa.

Você não precisa se tornar especialista, mas precisa entender porque chegou nessa situação e como pode revertê-la.

Sim, há muitos casos de reversão do diabetes, as vezes, mudando-se apenas o estilo de vida.

Não necessariamente você precisa se tornar dependente de medicação, e pode até ter uma vida normal.

Para aprender mais sobre como controlar o diabetes, esses livros (vendidos na Amazon) podem ajudar:

Conclusão

Se você tem diabetes, consultou um profissional e ele disse que você precisa perder peso, ou se você está obeso, aqui estão algumas das melhores dietas para perder peso.

É óbvio que cada dieta pode ter efeitos diversos em pessoas diferentes, mas acho que você poderia testá-las.

Se você quer controlar o diabetes, manter um peso saudável é crucial, além de ajudar a equilibrar a saúde como um todo.

Há muitos protocolos disponíveis na internet, mas você deve estar cientes dos riscos e deve sempre primar por sua segurança.

Inclusive, eu falei anteriormente como perder peso sem dieta, o que pode até ajudar a iniciar o processo.

Eu citei 4 dietas para perda de peso, e todas podem ser feitas no esquema de dieta flexível, mas nem todas são adequadas para você.

O mais importante é encontrar uma dieta ou plano alimentar que seja sustentável a longo prazo.

Espero que essas dicas ajudem você a perder peso e, acima de tudo, controlar o diabetes que é um doença triste.

Na verdade, qualquer tipo de situação onde se perde a saúde, ou que haja restrição, é uma situação deprimente.

Desejo sinceramente que eu possa ter ajudado e espero que ao notar resultados, volte aqui para comentar.

Boa sorte e até o próximo,

Grande abraço!

Artigo anteriorComo Tirar Passaporte
Próximo artigoAs Três Vidas
Minha Missão é Ajudar Você à Atingir a Alta Performance! Este site serve compartilhar um pouco da minha vida, minhas sacadas e o que faço para viver mais e melhor, com alta performance.