30 Maneiras de Fracassar

11. Falta de controle do impulso sexual

A “energia do sexo” é o maior estímulo que alguém pode ter para agir.

Você pode pensar nas histórias do que as pessoas conseguiram ou se propuseram a fazer na busca pelo sexo.

E, por ser muito poderosa, a energia sexual deve ser controlada e direcionada eficientemente para a ação.

Como Resolver

Primeiro, você deve fazer uma autoanálise e tentar identificar se você tem agido irracionalmente em relação ao sexo.

Não estou dizendo que você deve renunciar às suas “fantasias” ou limitar sua atividade sexual.

Mas, você deve ter bom senso e saber quando está perdendo o controle disso e, consequentemente, se distanciando de suas metas.

Se distanciar dos seus objetivos, acontece frequentemente quando temos esse descontrole, portanto, você poderá fracassar.

Novamente, por ser algo muito emocional e psicológico, vai contar com seu poder de decisão e autocontrole.

12. Desejo descontrolado por “ganhar algo de graça

Aqui podemos citar a intenção de receber coisas de graça como também ganhar facilmente.

Como Resolver

Entenda uma coisa:

Não existe almoço grátis!

Você deve tirar da sua mente que terá sucesso sem dar nada em troca, ou que isso virá para você facilmente.

“Sucesso só vem antes do trabalho no dicionário”…

Portanto, você precisa mudar seu mindset e definir metas, em seguida, traçar um plano bem definido para alcançá-las.

13. Falta de poder de decisão definido

As pessoas de sucesso decidem-se rapidamente e mudam de opinião lentamente, quando mudam.

As pessoas que fracassam, demoram demais para decidir e mudam de ideia rápida e frequentemente.

Podemos dizer que a indecisão é a irmã gêmea da procrastinação – onde uma está geralmente encontramos a outra.

Como Resolver

Se você leu tudo até aqui, deve ter percebido que para contornar vários modos de fracassar, precisa tomar decisões.

Agora, se você simplesmente não consegue decidir, precisamos entender o motivo disso.

É psicológico? É falta de conhecimento? Falta recursos? Qual motivo para você não ter esse poder?

Você só vence a falta de decisão, decidindo… Errar faz parte do aprendizado e lembre-se que o fracasso é um resultado.

Se não der certo, tente outra vez, e outra, até que consiga atingir o resultado que você espera.

Não ache que haverá o momento certo, um sinal divino, ou que precisa de mais informações para poder decidir.

A maioria das pessoas de sucesso consegue tomar decisões, mesmo quando não tem todas as informações.

14. Um ou mais dos seis temores básicos

Já falei separadamente sobre os 6 medos universais, mas aqui estão eles:

  1. Medo da Pobreza
  2. Medo da Velhice
  3. Medo da Crítica
  4. Medo de Perder o Amor de Alguém
  5. Medo da Doença
  6. Medo da Morte

Medo não necessariamente é uma coisa ruim, mas esses medos pode aprisioná-lo e fazer você fracassar.

Como Resolver

Primeiro, para quase toda questão emocional ou estado de espírito, é necessário uma autoanálise.

Depois de questionar-se profundamente, você precisa encontrar suas respostas para amenizá-los ou eliminá-los.

Infelizmente não tenho como dar uma fórmula genérica para acabar com todo tipo de medo, mas tudo isso é reversível.

Sendo bem sincero, acho que, assim como eu, a maioria das pessoas já teve ou tem algum desses medos, senão vários ou todos combinados.

15. Escolha errada do cônjuge

Isso até você já deve estar ciente – um casamento desarmonioso pode levar qualquer um ao fracasso.

Além disso, esse tipo de fracasso deverá vir acompanhado de muita tristeza, dor, infelicidade e ainda destruir suas ambições.

Como Resolver

Costumo dizer que escolhas de pessoas erradas dão vários sinais, que a maioria acaba ignorando.

Deve ser por isso que dizem que “o amor é cego“…

Então, você deve para e analisar, tentar enxergar os sinais e tomar a melhor decisão pelo seu futuro.

Sim, as coisas mudam, melhoram, mas contar que as coisas vão melhorar no futuro pode não ser a melhor decisão.

Lembra da falta de poder de decisão? Isso acontece muito aqui… Você enxerga os sinais, se promete várias coisas, mas não decide.

Não decidindo, o tempo vai passando, você se acostuma, se adapta, muda, e no final perde sua essência e ficar infeliz.

Com a infelicidade, sua autoestima, motivação, entusiasmo, etc, não podem ser positivos, levando você ao fracasso.

16. Excesso de cautela

Definitivamente a vida é feita de riscos… basta observar até a própria natureza.

Você já deve ter ouvido aquela antiga frase: “Quem não arrisca… não petisca“!

Se você não está disposto a correr riscos, sinto muito informar, mas terá que se contentar com as sobras.

Excesso de cautela é praticamente a mesma coisa que não ter cautela, ambas são prejudiciais e devem ser evitadas.

Como Resolver

Sou perfeccionista e fui criado para evitar erros, cansei de nem tentar só de pensar em errar, nem competir com medo de perder.

Mas, o sucesso vem da experiência e experiência vem do aprendizado que temos quando erramos.

Seu medo de perder nunca pode ser maior do que sua vontade de ganhar...

Certa vez li que a gente deveria se colocar em situações de desconforto, errar mesmo sabendo, porque isso faz você crescer.

Então, não tem jeito de resolver isso senão arriscando, errando, tentando, mesmo quando você acha que as chances são ruins.

Antes de ganhar muito dinheiro, você precisa aprender a perder dinheiro, investir, mesmo com alto risco.

17. Escolha errada dos sócios

No 15° item falamos sobre a escolha errada do cônjuge, mas sociedade é como um casamento.

Se você vai escolher um sócio, bem como um empregador, deve ter bastante critério, pois é uma das causas mais comuns de fracasso.

Essa pessoa deve ser minimamente inteligente, dedicado, preferencialmente bem-sucedido e uma inspiração para você.

Como Resolver

Não tem jeito fácil de resolver isso, se sua intuição, se os fatos, se os sinais, etc, mostram que você fez uma escolha errada, dê meia volta.

Sei que pode ser um processo complexo esse rompimento, talvez você corra riscos (como no ponto 16), mas você precisa se libertar.

Não fique pensando que conseguirá levar tudo nas costas, sozinho, e que não faz diferença, porque isso afunda muitos negócios.

18. Superstição e preconceito

Superstição geralmente denota um sinal claro de ignorância, e não é incomum encontrar em pessoas de fracasso.

Pessoas bem-sucedidas mantêm a mente aberta, buscam informações e “não temem nada”.

Como Resolver

Se é superstição, você precisa abrir sua mente, buscar entender a fonte desse sentimento e eliminá-lo.

Você precisa tomar as rédeas da sua vida, assumir sua auto-responsabilidade e mudar seus hábitos.

Hábitos? Sim… Veja se você tem algum desses:

  • Você acredita no poder dos amuletos?
  • Cumpre rituais para atrair coisas boas?
  • Cumpre rituais para evitar que males aconteçam?
  • Acredita em razões místicas para acontecimentos positivos ou negativos na sua vida?
  • Acredita em sinais?

Se é preconceito, você precisa abrir sua mente, entender, respeitar, jamais deixar que isso comprometa sua rota para o sucesso.

19. Escolha errada de vocação

Acho que todo mundo já tentou ser persuadido por alguém ou alguma coisa na hora de escolher uma atuação.

Creio que para ter sucesso com sua ocupação, você deve conseguir se entregar de corpo e alma, dificilmente fará isso se não gostar.

Como Resolver

Eu estava assistindo um vídeo do Murilo Gun onde ele falava sobre desapegar para se reinventar…

Basicamente, pessoas que escolheram, por exemplo, uma profissão há 15 anos atrás, mas não são felizes.

Não importa quanto tempo você está fazendo o que não gosta, sempre há tempo para mudar.

Se você depende do que faz, mesmo não gostando, você pode planejar uma migração gradativa.

Defina metas, crie seu planejamento e pense sempre em longo prazo, e aja a partir de agora, com os recursos que tem hoje.

20. Falta de concentração de esforço

Aposto que você já deve ter ouvido que para ter êxito em alguma coisa é preciso ter foco.

Focar tem muito mais a ver com dizer não do que escolher algo para concentrar seu esforço.

O famoso pau-para-toda-obra raramente é bom em alguma coisa.

Como Resolver

Foco é a capacidade de dizer NÃO para muitas coisas e dizer SIM para poucas.

Grandes Realizações começam com pequenas atitudes.

O Joel Jota gravou um vídeo falando sobre exceções, que vale a pena você assistir.

A primeira coisa que você precisa fazer é decidir onde vai concentrar seu esforço, focar sua atenção e seus comportamentos.

Para descobrir onde devemos colocar nosso foco e nosso esforço, precisamos antes basear nossas mudanças em duas questões primordiais:

  1. Nossos problemas e limitações;
  2. Nossos sonhos e metas.

Você precisa então refletir sobre os problemas que vem enfrentando hoje que atrapalham seu sucesso.

Em seguida, ao descobrir tudo que o impede, você saberá exatamente onde ou em que focar.

Você vai precisar persistir e não parar diante das adversidades, mesmo que seja bem difícil, especialmente no começo.

A verdade é que poucos fracassam, a maioria para e desiste antes sequer de fracassar, talvez até por excesso de cautela ou medo.

Outro grande segredo para você conseguir aumentar seu foco é eliminar toda e qualquer distração, depois de identificá-las.

Se você tem muita dificuldade com isso, recomendo o livro “Foco na Prática” do Paulo Vieira – porque é um programa de 2 meses na verdade.

Navegação<< 11 Segredos da LiderançaVocê Está Progredindo? 28 Perguntas Poderosas >>